quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Quem poupa acampa!

Quem acompanha o blog sabe que nossa família é grande. Ao todo somos 8 campistas, fora a turma de amigos que acampa junto (mas que não entra financeiramente na conta).
Agora tentem imaginar os gastos que temos cada vez que conseguimos acampar com a formação completa!
Quem acampa sabe que a modalidade está longe de ser descrita como econômica, aliás este é o maior mito lançado sobre nosso estilo de viagem. É claro que nossos custos com diárias são mais baixos do que pousadas, chalés e hotéis, mas isso não a torna barata, apenas menos cara hahahaha.
Então imaginem quanto nossa família gasta para passar 15 dias acampados nas festas de final de ano ou grandes feriados, época em que a maioria dos campings cobram mais caro!
Pois é, digamos que o montante é significativo... Adicione gastos com combustível, pedágios, alimentação, passeios e uma reserva (sempre aconselhada para imprevistos). Sim, a conta ficou alta, mas não o suficiente para nos fazer desistir da empreitada.
E como ninguém quer ficar em casa a solução encontrada foi poupar.
Ao longo dos anos acostumamos a criar um fundo de reservas campistas. Chique né?!
Mas não é nada luxuoso, é o bom e velho cofrinho de moedas, popularmente chamado de porquinho. É de praxe entre os integrantes da trupe poupar moedas para a nobre finalidade de acampar.
Fonte: Revista Crescer
Como vocês acompanham aqui no blog, nossa turma gosta muito de se reunir nas festas de final de ano e comemorar Natal e Ano Novo na barraca. E apesar de final de ano ser abençoado pelo Santo Décimo Terceiro, nossa intenção é utilizá-lo sempre o menos possível (deixando o bendito para outros planos).
Então é de  praxe a Podinha intensificar a operação “porco campista”, que nada mais é que aumentar os valores direcionados aos cofrinhos dos componentes. Além das tradicionais moedinhas estipulamos um valor mensal que será depositado no nobre suíno, assim ao longo dos 4 meses que antecedem nossa grande viagem conseguimos guardar uma grana legal que permitirá não só a longa acampada como os passeios tão desejados pela galera!
Quando queremos comprar um equipamento novo fazemos a mesma coisa. Por exemplo, poucas pessoas sabem que eu (Camy) e o Pedro economizamos dinheiro por dois anos para realizar nosso sonho: comprar uma Outwell que acomodasse toda a família. Abrimos mão de passeios, baladas, churrascos, enfim, cortamos gastos para concretizar um desejo. E quer saber? Valeu cada centavo e cada sábado a noite em casa!
O que queremos dizer com tudo isso é que quem poupa, realmente acampa! Se você quer muito fazer aquela rota do Sr. Luiz Campista até o nordeste ou dar um alô para os campistas da região Sul, quer aquele equipamento dos sonhos... comece hoje a edificar isto!
Abraços
Camy e os Podos.

P.S. Esta postagem vale uma importante ressalva ao hábito de juntar moedas, já que elas são dinheiro em circulação evite mantê-las por longos períodos inoperantes, isso afeta a circulação destes valores no país e culmina com o sumiço de moedas no comércio. Nossa sugestão é que de tempos em tempos, troque suas moedas por notas maiores, mesmo porque você não vai levar uma sacola de moedinhas para sua viagem!


domingo, 18 de outubro de 2015

Farofa dos Podos

Este é o nosso primeiro vídeo dedicado a culinária campista. Aqueles que já acamparam conosco sabem que levamos a hora da comida a sério, então resolvemos partilhar com vocês nossas aventuras na cozinha campista.
Se você é amante de um bom churrasco vai adorar este acompanhamento fácil e super saboroso. Já se você é da turma que não dispensa o bom e velho feijão, mesmo no acampamento também vai curtir.
Para aqueles que torcem o nariz ao ver uma receita com proteína de soja, dê uma chance ao prato e se surpreenda com o sabor, digo para vocês que a maioria das pessoas que provaram sem saber acharam que era bacon!




FAROFA DOS PODOS

Ingredientes
1 xícara de chá de azeite de oliva (não utilize outro tipo de óleo);
1 pacote de creme de cebola;
1 xícara de chá de proteína de soja granulada;
3 xícaras de chá de farinha de mandioca flocada biju

Preparo
aqueça o azeite de oliva, a proteína de soja e o creme de cebola até que comece a escurecer (não deixe passar muito, para não amargar).
Apague o fogo e adicione a farinha de mandioca flocada biju e mexa até misturar bem.
 
Está pronta sua deliciosa farofa, se fizer não esqueça de contar nos comentários!
Abraços
Camy&Podos

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Equipamentos para churrasco no camping

Se há algo próximo da unanimidade no campismo, provavelmente seja o churrasco. Até hoje nunca conheci um campista que não amasse um bom churrasco.
Churrasco e campismo estão intimamente ligados, tanto que acampar e não churrasquear é raro. Em um breve passeio por qualquer camping você certamente encontrará muitos grupos comendo o bom e velho churras.
Mas como tudo em nosso mundo precisa ser carregado, assar uma carne na brasa requer o mínimo de preparo. Cansados de sempre esquecer um utensílio ou outro, acabamos comprando um kit churrasco.
Uma breve busca na internet lhe apresentará diversas opções, tanto em tamanho e quantidade de peças, tipo de material, quanto no preço. Pesquise bem e analise suas necessidades antes de comprar, ao menos foi o que fizemos.
Depois de várias pesquisas optamos por esta maleta, de dimensões pequenas que se encaixa perfeitamente em nossa caixa de transporte (se você não se lembra ou é novo por aqui, o carro principal da Podinha é uma pick up – o Woodstock- e todos os nossos equipamentos são transportados em caixas plásticas da marfinite).

Kit churrasco

Outro fator que despertou nosso interesse foi que este kit contém as além das peças grandes para manuseio da churrasqueira, as peças pequenas para cortar e servir.
São 14 peças no total, sendo:
-         4 facas (pequenas) de corte;
-         4 espetos (pequenos);
-         1 escova para grelha;
-         1 pincel;
-         1 faca grande;
-         1 afiador de faca;
-         1 pinça;
-         1 garfo grande.
Kit churrasco

Todas as peças vem encaixadas em seus devidos lugares, e sendo a maleta plástica, ninguém vai ficar preocupado se respingar um pouco de gordura, já que um bom pano com multiuso resolve a limpeza.
Como sobrava espaço na maleta resolvemos aproveitar para guardar o avental do churrasqueiro junto (não vem no kit), pois sempre acaba sendo esquecido em casa.
Kit churrasco
Além da maleta contendo tudo isso, mantemos sempre na caixa um espeto e uma grelha (ambos com cerca de 55 cm), já que muitos campings disponibilizam a churrasqueira, mas não os utensílios.
Em nossa caixa de equipamentos de cozinha já temos a tábua de corte, mas não esqueça de levar a sua.
Quando o camping não possui churrasqueira nós levamos a nossa, modelo Araguaia, da marca Mor, então sempre vale gastar um pouquinho mais de tempo e verificar através do site ou telefone se o local que você vai acampar disponibiliza ou não a churrasqueira comunitária. Lembrando que se você for acampar em feriados onde a "disputa" por estas churrasqueiras é grande, vale a pena embalar e levar a sua, para garantir sua carne!
Como vocês perceberam, falta de equipamento não é desculpa para não churrascar na Podinha.
Abraços.
Camy&Podos